Presidente eleito do Senado não pode permitir que questões pessoais interfiram no desempenho do cargo, diz Caiado

Política

O líder do Democratas, Ronaldo Caiado (GO), afirmou nesta quarta-feira (1º/2) que o presidente eleito do Senado, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), não pode permitir que questões pessoais interfiram no desempenho de suas funções no comando da Casa. Eunício Oliveira venceu a disputa pela presidência na noite de hoje por 61 votos a 10 e estará à frente do Senado pelos próximos dois anos.

“Esperamos que o presidente eleito do Senado não permita que problemas pessoais interfiram nas funções requeridas para quem comanda a Casa. Ao se ocupar de questões pessoais, o poder legislativo acaba sendo comprometido abrindo espaço para que outros poderes intervenham em ações e atribuições que são nossas”, opinou Caiado.

Foto: Sidney Lins Jr