Pedido de vista adia definição sobre julgamento de Cristóvão Tormin

Política

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO) realizou nesta terça-feira (25), o julgamento do recurso sobre o registro da candidatura do atual prefeito de Luziânia, Cristóvão Tormin (PSD). Contudo, os luzianieses ainda continuarão na expectativa de saber quem será o próximo gestor da cidade.

Pedido de vista adia definição sobre julgamento de Cristóvão Tormin
Imagem: TRE-GO

De acordo com o TRE, houve o pedido de vista sobre o processo, ou seja, o documento será analisado mais detalhadamente, o que adia mais uma vez o resultado final desta novela.

O Blog do Hudson Cunha procurou a assessoria de Cristóvão e eles informaram que a decisão sobre o julgamento deve sair na próxima semana.

Relembre

Por 718 votos Cristóvão Tormin venceu o seu adversário Marcelo Melo (PSDB), na disputa eleitoral que aconteceu no último dia 2 de outubro.

Naquele período, segundo informações do TRE, Cristóvão se encontrava com a sua candidatura indeferida com recurso. O candidato interpôs um recurso contra essa decisão onde aguarda até o momento o julgamento por instância superior.

Sobre o processo

A matéria publicada em setembro pelo Correio Braziliense dizia: “consta na decisão da juíza eleitoral, Flávia Morais Nagato de Araújo Almeida que o presidente do PSD de Luziânia, Cristóvão Tormin teria forjado a assinatura da secretária do partido na ata da convenção da Coligação Luziânia no Caminho Certo. A magistrada concluiu que o documento é inválido “por conter fraude”. Além disso, teria sido o próprio Cristovão, também, a redigir o documento minutos antes do prazo final para protocolá-lo no cartório eleitoral do município.”

Da redação