Novo Gama: Governo Municipal promoverá ações em comemoração ao dia da mulher

Geral, Política

Nesta terça-feira (8), Dia internacional da Mulher, o Governo Municipal estará realizando um culto em ação de graças para comemorar esta importante data. A celebração acontecerá o no pátio da Prefeitura do Novo Gama, com o inicio previsto para as 9h.

De acordo com a prefeitura, as programações para as mulheres seguem até o fim do mês de março. Seguindo um cronograma de ações, haverá ainda nesta terça-feira, uma palestra sobre a Lei Maria da Penha e os Direitos da mulher será realizada no Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, no seguinte endereço: Quadra 415, Lote 15, na Vila Zequinha. O encontro acontecerá também às 9h.

Conheça um pouco da história sobre o Dia da Mulher

O primeiro Dia Nacional da Mulher foi celebrado em maio de 1908 nos Estados Unidos, quando cerca de 1500 mulheres aderiram a uma manifestação em prol da igualdade econômica e política no país. No ano seguinte, o Partido Socialista dos EUA oficializou a data como sendo 28 de fevereiro, com um protesto que reuniu mais de 3 mil pessoas no centro de Nova York e culminou, em novembro de 1909, em uma longa greve têxtil que fechou quase 500 fábricas americanas

Já no Brasil, as movimentações em prol dos direitos da mulher surgiram em meio aos grupos anarquistas do início do século 20, que buscavam, assim como nos demais países, melhores condições de trabalho e qualidade de vida.

A luta feminina ganhou força com o movimento das sufragistas, nas décadas de 1920 e 30, que conseguiram o direito ao voto em 1932, na Constituição promulgada por Getúlio Vargas. A partir dos anos 1970 emergiram no país organizações que passaram a incluir na pauta das discussões a igualdade entre os gêneros, a sexualidade e a saúde da mulher. Em 1982, o feminismo passou a manter um diálogo importante com o Estado, com a criação do Conselho Estadual da Condição Feminina em São Paulo, e em 1985, com o aparecimento da primeira Delegacia Especializada da Mulher.