Novo Gama: Dia “D” no combate ao HPV

Geral

O sábado, 30 de abril, será o dia “D” no combate ao Papiloma Vírus Humano (HPV) em Novo Gama.  Na data, todas as Unidades de Saúde estarão abertas das 08 às 17 horas para vacinar meninas entre 9 e 13 anos de idade.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a vacina protege contra dois subtipos de HPV, doença responsável por 70% dos casos de câncer do colo do útero e a terceira causa de morte de mulheres no Brasil.

Para anunciar a realização desta campanha, o prefeito Everaldo Vidal, ressaltou a importância da vacina. “Convocamos os pais, responsáveis, professores e toda a sociedade para divulgar a informação de que a vacina é segura e eficaz”.

A Secretária Municipal de Saúde, Tânia Brandão, recomenda:

“É necessário que os responsáveis estejam com o documento de identificação e acompanhado do cartão de vacinação.”

Segundo o Ministério da Saúde, a vacina tem eficácia comprovada para proteger mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual e, por isso, não tiveram nenhum contato com o vírus. Hoje, a vacina é licenciada em mais de 130 países e é utilizada como estratégia de saúde pública em mais de 60 países, por meio de programas nacionais de imunização.

Cabe ressaltar que após a primeira dose da vacina, a menina deve receber a segunda seis meses depois, e a terceira, de reforço, cinco anos após a primeira dose.

Vírus

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual. Também pode ser transmitido da mãe para o filho no momento do parto.

Estimativas da Organização Mundial da Saúde indicam que 290 milhões de mulheres no mundo são portadoras da doença, sendo 32% infectadas pelos tipos 16 e 18, que são de alto risco para o desenvolvimento câncer do colo do útero.

Estudos apontam que 270 mil mulheres morrem devido à doença no mundo. Neste ano, o Instituto Nacional do Câncer estima o surgimento de 15 mil novos casos.