Municípios do Entorno devem receber R$ 27 milhões de repatriação

Política

O programa de regularização de ativos no exterior, também conhecido como repatriação de recursos, trará para os municípios do Entorno aproximadamente R$ 27 milhões aponta estimativa apresentada pela Federação Goiana de Municípios (FGM).

O presidente da FGM, Divino Alexandre da Silva, explicou que o repasse representa um alívio parcial para os prefeitos fecharem as contas nos últimos meses de gestão. “Este recurso é adicional ao FPM normal do mês e a expectativa é de crescimento em dezembro. Isso significa que teremos um pouco de alívio neste final de ano”, disse.

Estado de Goiás

Segundo a FGM, os municípios goianos devem receber R$ 169 milhões de repatriação, já descontados os 20% do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), o 1% do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP) e os 15% destinados à área de Saúde. O valor bruto (sem os descontos) é de aproximadamente R$ 210 milhões, segundo levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM).

Municipios do Entorno de Brasília

Planaltina

O prefeito Reis (PTC), não reeleito, terá 2.679.130,34 (dois milhões seiscentos e setenta e nove mil, cento e trinta reais e trinta e quatro centavos). Dr. Davi (PROS) assume a prefeitura com essa quantia abatida nas dividas da prefeitura.

Santo Antônio do Descoberto

O prefeito Itamar (PDT), não reeleito, terá R$ 2.296.397,43 (dois milhões, duzentos e noventa e seis mil, trezentos e noventa e sete reais e quarenta e três centavos) para quitar parte das dividas do município. Um alívio para Dr. Adolpho (PMDB) que assume o mandato em 1º de janeiro de 2017.

Valparaíso de Goiás

A prefeita Lucimar Nascimento (PT) não se candidatou à reeleição. Pábio Mossoró (PSDB) é o próximo prefeito. Lucimar conta com um extra de mais de 5 milhões vindos da repatriação. São R$ 5.270.974,89 (cinco milhões, duzentos e setenta mil, novecentos e setenta e quatro reais e oitenta e nove centavos).

Novo Gama

Everaldo Vidal (PP) optou por não ser candidato. Volta ao comando da cidade, Sônia Chaves (PSDB), que foi deputada estadual, prefeita e vereadora no município. Novo Gama receberá mais de 3 milhões da repatriação. Exatos R$ 3.061.863,24 (três milhões sessenta e um mil, oitocentos e sessenta e três reais e vinte e quatro centavos).

Cidade Ocidental

Giselle Araújo (PTB) não foi candidata à reeleição. Fábio Corrêa (PRTB) assume a gestão a partir de janeiro. O município receberá R$ 2.296.397,43 (dois milhões, duzentos e noventa e seis mil, trezentos e noventa e sete reais e quarenta e três centavos).

Luziânia

Cristóvão Tormin (PSD) teve sua reeleição confirmada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Goiás. O prefeito reeleito terá um extra nos caixas da prefeitura de R$ 5.462.341,35 (cinco milhões, quatrocentos e sessenta e dois mil, trezentos e quarenta e um real e trinta e cinco centavos).

Confira toda a relação na íntegra  clique aqui

 

Da redação