Manifestantes fazem protesto pacífico em Luziânia

Geral

Manifestantes protestavam contra as reformas da previdência e trabalhista, e pediam a saída do presidente Michel Temer

Cerca de 100 pessoas participaram de uma manifestação  na cidade de Luziânia, a 210 km de Goiânia. O movimento foi organizado por representes dos mototaxistas; dos partidos PT, PC do B e PDT; da Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB); e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais da cidade.

Munidos de cartazes, os manifestantes protestavam contra as reformas da previdência e trabalhista, e pediam a saída do presidente Michel Temer (PMDB).

O grupo saiu da Praça Santa Luzia (balão da santa) por volta das 15 horas e percorreu as principais ruas do centro da cidade. O protesto terminou no Ginásio de Esportes José De Araújo Leite e contou o apoio de poetas e artistas locais.

Os serviços públicos funcionaram normalmente e não foi registrado nenhum caso de violência ou dano ao patrimônio público.