Lula não tem popularidade para eleição presidencial, diz Caiado

Política
Ao participar da celebração da Lavagem do Bonfim, nesta quinta-feira (12/1), em Salvador, o senador Ronaldo Caiado afirmou que o ex-presidente Lula não tem credibilidade nem coragem de “andar no meio do povo” quanto mais popularidade para disputar uma nova eleição presidencial. Caiado se referiu ao evento fechado que o petista participou na capital baiana ontem (11/1) em que manifestou que será candidato em 2018. No evento, Lula foi apoiado por integrantes do MST, outra questão que mereceu críticas do líder do Democratas.
“Lula, para vir a Salvador, teve que ficar encurralado no Parque de Exposições, mantendo toda uma estrutura ao lado de uma facção para lhe proteger. Lula não tem a coragem de andar em um estado do Nordeste no meio do povo, nem de fazer essa caminhada ao Bonfim. Isso mostra que ele não tem popularidade para chegar à presidência”, opinou.
O senador goiano ainda reiterou que para combater a crise de credibilidade vivenciada pela política, parlamentares e governo não podem ter medo de novas eleições. “Não podemos continuar com a crise. Se for necessário ter um gesto maior, tem que convocar novas eleições no Brasil, tanto de presidente, como senadores e deputados federais. O objetivo único e exclusivo de resgatar o momento crítico que passa a sociedade. Eu diria que é necessário [novas eleições]. Eleição não é traumática, é democracia. O que existe de mais bonito na democracia é a eleição”, disse.
Crédito da Foto: Metro 1