Governo do Município prioriza segurança em Novo Gama

Política

Investimentos em Segurança Pública e na Infraestrutura, são as marcas registradas do Governo do Município em Novo Gama.  A entrada da cidade, antes lembrada pelo lixo e a lama, hoje conta com uma linda praça que tem o aspecto aconchegante, limpo e seguro.

A obra da Praça Cartão Postal construída na entrada do município aconteceu graças a uma parceria firmada entre a Prefeitura; a Administração de Santa Maria; o Departamento de Estradas e Rodagens (DER-DF); a Agência de Fiscalização (AGEFIS – DF); as Policias Militar do Distrito Federal e de Goiás; e a 1º Promotoria de Novo Gama.

Hoje o trabalho nesta praça está em fase de conclusão. O local já conta com calçadas; jardins; estacionamento; e recentemente houve a instalação de luminárias para melhorar a segurança.

“Agora a nossa cidade já conta com um lugar limpo e com uma linda aparência urbanística. Este é o nosso cartão postal. A iluminação dará mais segurança aos usuários do transporte coletivo, que passam pelo local todos os dias. Falta apenas a academia ao ar livre, que logo será instalada.” disse o prefeito Everaldo Vidal.

Pensando ainda em reforçar a Segurança Pública, foi implantada na última sexta-feira (18), a Guarda Civil Municipal (GCM). Ela possui um contingente de 156 (cento e cinquenta e seis) homens que recentemente passaram por uma capacitação no Instituto Federal de Goiás.  

O curso habilitou os guardas para atuarem em diversas áreas de segurança no município. O conteúdo ministrado seguiu o que determina a Lei 13.022/14 e também a matriz curricular da Secretaria Nacional de Segurança Pública, órgão ligado ao Ministério da Justiça.

A prefeitura informa que a criação da guarda está de acordo com a Lei nº 929, de 17 de junho de 2009, inciso III, do Artigo 3º, da Lei orgânica do Município de Novo Gama. Esta lei autoriza a criação da Guarda Municipal e por meio dela, viabiliza convênios com a Polícia Militar.

Cabe ainda ressaltar que todos os agentes da GCM, são concursados. Os profissionais anteriormente ocupavam o cargo de Agente de Vigilância, e de acordo com o artigo 4º da Lei Complementar nº 1.127 de janeiro de 2011, a atividade exercida passou a denominar-se Guarda Civil Municipal.