Em entrevista, Administradora do Gama fala sobre queda expressiva nos casos de dengue na cidade

Geral

Maria Antônia também destacou dificuldades encontradas na sua gestão

A administradora do Gama – DF, Maria Antônia, participou no último sábado (08) do programa Conectado ao Poder, na Rádio Ok FM. Ela falou sobre as dificuldades encontradas em sua gestão e da queda expressiva nos casos de dengue na cidade.

Qual foi a maior dificuldade encontrada na sua gestão?

A falta de recurso prejudica muito, mas o maior problema que nós enfrentamos à frente da administração do Gama foram os lixões. Quando assumi a administração o Gama era o segundo colocado em casos de dengue.

Como estão os casos de dengue atualmente no Gama?

Hoje somos um exemplo para o Brasil. Enquanto na maioria das cidades as estatísticas de dengue crescem, no Gama, estamos decrescendo. Tínhamos 1680 casos e hoje estamos com 74 casos. De uma marca negativa, em segundo lugar, passamos a ser modelo no combate à dengue.

Como foi possível mudar essa situação?

Com muita conscientização e bastante trabalho. Limpando a cidade e acabando com todos os lixões. Recentemente ganhamos uma unidade do papa entulho, que é uma forma que o governo encontrou para diminuir o lixo nas cidades.

Qual é o público alvo do papa entulho?

Toda a população, mas em especial os carroceiros que passam a ter onde colocar o lixo.