Conferência Municipal do Pacto Pela Vida e Segurança Pública acontece em Novo Gama

Geral

A Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária com o apoio Governo Municipal realizará na próxima terça-feira (1), em Novo Gama, a Conferência Municipal do Pacto Social Pela Vida e Segurança em Goiás.

O evento acontecerá no salão de reuniões da Secretaria Municipal de Assistência Social, situada na quadra 504, Lote 15 – Pedregal, a partir das 14h.

De acordo com o Assessor da Chefia do Gabinete da Secretaria de Segurança Pública de Goiás, Hernany Bueno a ideia é construir junto à comunidade um Plano Municipal Estratégico de Segurança Pública, debatendo as seguintes pautas:

  • Políticas Integradas de Prevenção em Segurança e o Papel da Sociedade Civil;
  • Políticas de segurança para grupos vulneráveis: crianças, adolescentes, juventude, mulheres, gêneros, idosos, população em situação de rua, culturais, religiosos, dentre outros;
  • CONSEG, GGIE, GGIM e políticas de segurança pública municipal;
  • Ações contra o crime organizado, drogas e crimes de divisas estaduais;
  • Integração, Inteligência, Estratégia e Gestão da Informação Criminal;

A realização é um convite do Secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, e Vice Governador José Eliton, para toda a população.

Para mais informações ligue: (62) 3201 4809 ou entre em contato pelo E-mail: pactosocialgoias@gmail.com.

Sobre o do Pacto Social Pela Vida e Segurança

De acordo com o Governo de Goiás, o Pacto consiste em cinco eixos de atuação: Segurança Cidadã, Inteligência e Estratégia, Repressão Qualificada, Prevenção Social e Intervenção Urbana e Ambiental.

A meta é reduzir inicialmente os indicadores de criminalidade em 21 municípios goianos que concentram 89% dos crimes contra a vida e contra o patrimônio ocorridos no ano de 2015 segundo estatísticas do Observatório de Segurança Pública da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP). Entre eles estão a capital, cidades da Região Metropolitana de Goiânia e do Entorno do Distrito Federal.

O pacto será operado a partir de políticas públicas interinstitucionais e transversais de segurança pública preventiva.  O resultado será a elaboração de um documento formal – o Plano Estratégico de Ações do Pacto Social, que reunirá as medidas a serem tomadas em cada cidade e os responsáveis pela execução.

Hudson Cunha