Caiado: Marconi vai desmentir o governo federal sobre a falência do Estado?

Política

O líder do Democratas no Senado, Ronaldo Caiado, questionou na última segunda-feira (10/04) o governador Marconi Perillo (PSDB) em relação aos dados que mostram que Goiás é o Estado mais próximo de ser incluído na chamada Lei de Falência dos Estados, que deve ser votada na Câmara dos Deputados. A matéria, publicada no Valor Econômico, traz dados levantados pelo relator da matéria, deputado Pedro Paulo (PMDB-RJ), com base em levantamento do governo federal.

“Marconi Perillo diz que a proporção da dívida do Estado em relação à receita corrente líquida vem caindo aos longos dos anos. Trata-se de mais uma mentira deste governo que não se sustenta à primeira checagem. A matéria do Valor Econômico já desmascarou o governador, que insiste em argumentos falaciosos. Por acaso Marconi Perillo vai contestar o governo federal? ”, questionou o senador.

De acordo com dados apresentados, Goiás está acima do limite de 100% da relação entre dívida e receita corrente líquida e também supera o limite definido para a relação entre obrigações financeiras e disponibilidade de caixa. O único critério em que o Estado não se enquadra para a lei é o da relação entre despesa com pessoal e financeira sobre receita, que já se aproxima do limite. “O governador Marconi Perillo: quebrou nosso Estado de uma forma que Goiás está acima do limite de 100% da relação entre dívida e receita corrente líquida, além de não ter caixa para cumprir com suas obrigações financeiras. Marconi quebrou Goiás, pode jogar nosso Estado na Lei de Falência, lesou nosso povo de uma forma que, se não mudarmos esse grupo que tomou conta do governo, as próximas gerações irão sofrer ainda mais com essa irresponsabilidade” afirmou.

 

Com informações da  Assessoria Liderança Democratas Senado Federal e Foto de Sidney Lins Jr