Antônio Lima se mostra o mais preparado para administrar Cidade Ocidental

Política

O candidato do DEM à Prefeitura de Cidade Ocidental, Antônio Lima participou neste sábado (10), de um debate sobre as eleições municipais de 2016 promovido pela rádio SUPRA FM 90.9.

Durante o debate que contou a participação dos jornalistas-membros da Associação de Blogueiros Política, diversos questionamentos sobre a segurança pública, a saúde, a infraestrutura, e a mobilidade urbana, foram apresentados aos candidatos presentes.

Líder das intenções de voto na pesquisa do instituto Opinião Comunicação, divulgado nesta sexta-feira (9), Antônio Lima se pautou em apresentar soluções viabilizadas em planejamento efetivo, caso seja eleito. Confira:

Segurança pública

Sobre a segurança pública, o prefeitável defende a criação da Guarda Civil Municipal. Para Antônio, a guarda contribuirá bastante com a segurança em Cidade Ocidental. Ele também destaca que a sua gestão, será uma grande cobradora do Governo do Estado, no sentido de oferecer um serviço de qualidade no município.

Mobilidade urbana

No quesito mobilidade urbana, o candidato disse que é necessário uma gestão efetiva. Ele diz que lançará um edital bem elaborado, contento todas as normas para que sejam colocados em circulação, somente empresas que ofereçam um transporte de qualidade em Cidade Ocidental. Enfatiza ainda que o serviço será fiscalizado para que atenda a todos os bairros.

Sobre o transporte interestadual e intermunicipal, Antônio disse que buscará junto a Agência Nacional de Transporte Terrestre – ANTT, soluções para a problemática.

Saúde

Sobre as melhorias nos serviços de saúde, o candidato diz que os funcionários do setor precisam de motivação. Além disso, o democrata afirmou que a prefeitura fiscalizará os atendimentos de forma que todas as atividades realizadas pelos médicos sejam contabilizadas para o Governo do Município, visando sempre oferecer um serviço moderno e de qualidade para a população.

Setor produtivo e a RIDE

No que diz respeito ao setor produtivo e a Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno – RIDE, ele diz que sempre se mostrou preocupado com a geração de emprego e renda na cidade.

Para Antônio, é preciso valorizar os comerciantes do município. Destacou que é um empreendedor por convicção e lembrou que quando foi prefeito, criou o Distrito Agroindustrial. Enfatiza que para haver efetivamente um crescimento econômico, é preciso à qualificação dos empresários através do fechamento de parcerias com o SEBRAE e SENAI. Ressaltou ainda que a prefeitura, como o maior cliente, priorizará todas as suas compras no município.

Já sobre a RIDE, o candidato falou sobre a grandeza do projeto e lembrou que ajudou cria-lo.  Em sua gestão, ele diz utilizará todos os recursos que o projeto possa oferecer, a fim de melhorar o desenvolvimento da cidade.

Prioridades nos primeiros 100 dias de Governo

Sobre os primeiros dias de trabalho, Antônio destacou que fará um diagnóstico completo de todas as estruturas do Governo Municipal, para colocar em prática o seu projeto de governo.  Para ele, é uma questão de emergência tratar da iluminação pública e oferecer um serviço de limpeza com qualidade para a população.

Ao final do programa Antônio disse: “Ao povo de Cidade Ocidental, ofereço um currículo e uma história de 38 anos. História de trabalho, de dignidade e respeito. Lembro que fui eu, quem coordenou a primeiro e o segundo projeto de emancipação. Também fundei o primeiro partido político e fui eleito prefeito da cidade. Fui eu que transformei um bairro de Luziânia, numa cidade. Estou trabalhando há 38 anos e mostrando a minha competência na iniciativa privada, e na hora que fui gestor público. Aprendi uma coisa desde muito cedo na minha vida, a acordar cedo e trabalhar até tarde e também buscar informação para ter competência suficiente e produzir bons resultados. Aprendi a fazer calos nas mãos, e não aprendi a fazer calos na língua. Eu quero oferecer isso ao povo de Cidade Ocidental trabalho, dedicação e respeito, a cada voto, que for a mim destinado.”